Banco Central do Brasil antecipa um maior encolhimento da economia brasileira

15511-media

O Banco Central (BC) do Brasil corrigiu suas previsões e antecipou que a economia nacional terá uma queda de 3,22% este ano e não de 3,19%  como se previu anteriormente.

Do mesmo modo, segundo os resultados da pesquisa semanal Focus que a entidade realize entre instituições financeiras, para 2017 a expectativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) foi reduzida de 1,30% para 1,23%.

Por outro lado, o BC ajustou pela sexta vez consecutiva a baiza do nível de inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo e estimou que o mesmo encerrará o ano em 6,89%. Na semana passada se considerava que seria de 7,01 pontos percentuais.

Para 2017 também se reduziu a previsão inflacionária, levnndo-a de 5,04% a 5,0% .

Com a expectativa de retração da economia e uma inflação menor, disse a Agencia Brasil, as institutuições financiers esperam que a taxa básica de juros, Selic, encerre 2016 em 13,50%, depois que o Comitê de Política Monetária (Copom) do BC reduzi-la, na semana passada, de 14,25 % para 14%.

Fonte: http://www.panamaon.com/

Deixe uma resposta